Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 2 de outubro de 2012

Provedores de Tv Via Satélite Tentarão Bloquear o Sinal de Receptores Piratas



Fornecedores de televisão por satélite entrarão em um processo para mudar seus códigos de decodificação, com o objetivo de desligar decodificadores "piratas" que circulam no mercado. A mudança ocorrerá no Chile, Venezuela, Peru e Colômbia, e o processo terá lugar entre 3 e 22 de Outubro.
Em suma, é uma atualização do sistema que está sendo realizado pela  Media Networks,  a qual fornece conteúdo via satélite para várias empresas na América Latina.
Movistar disse que a atualização requer uma mudança no cartão que vem dentro dos decodificadores, mudança que tem sido feita  nos últimos 8 meses. A empresa entrou em contato com os clientes que ainda não receberam a mudança para que façam a solicitação.
A atualização de Media Networks provavelmente será eficaz no que se trata em interromper a operação dos decodificadores piratas que estão atualmente em operação em muitas casas, onde aqueles que o compraram não tem conhecimento para tentar encontrar uma solução para o bloqueio - o que é mais provável de apareça via internet. A outra opção seria a de comprar um novo que já vem modificado para o novo padrão.
No entanto, os provedores de televisão via satélite, aparentemente, buscarão outras medidas para impedir a venda desses dispositivos. Segundo o diretor jurídico da DirecTV, José Ignacio Alvear, as empresas reuniram-se com o Departamento de Telecomunicações (Subtel), Alfândegas e da Direção-Geral das Relações Econômicas Internacionais (DIRECON), para tentar bloquear a importação desses dispositivos.
Apesar disso, deve-se lembrar que nem toda TV satélite é ilegal , e há canais gratuitos e livres que são transmitidos por essa rota chamada FTA , e nesse caso seria perfeitamente legítimo usar uma caixa dessas.

Fonte: http://www.fayerwayer.com/2012/10/proveedores-de-tv-por-satelite-intentaran-bloquear-decodificadores-ilegales-en-latinoamerica/

Nenhum comentário:

Postar um comentário